Tecnologia

#eletromobilidade

Nova tração elétrica para ônibus urbanos

tempo de leitura miúdo

A ZF desenvolveu e implementou em tempo recorde um novo acionamento elétrico central para aplicação em ônibus urbanos. Um veículo de teste equipado com esse sistema foi apresentado na feira “Busworld 2017”.
ZF Editors, Outubro 18, 2017
author_image
ZF Editors Junte-se a nós: há anos os nossos redatores vêm escrevendo matérias para a revista online sobre assuntos interessantes relacionados ao setor e à ZF.
A migração urbana está levando a um aumento das cidades ao redor do mundo. Nesse cenário, os sistemas de transporte público são um importante instrumento para evitar o colapso do tráfego. Os ônibus têm importância fundamental para assegurar o perfeito deslocamento das pessoas nas metrópoles. Da mesma forma que os veículos particulares, eles também estão sujeitos a padrões globais mais rigorosos de emissões definidos por lei. Com um consumo médio de 30 litros de diesel a cada 100 quilômetros, esse desafio é considerável.

Mais proteção ambiental: embarcando na tração elétrica

Mais proteção ambiental: embarcando na tração elétrica

Eletromobilidade é a solução para reduzir os ruídos e as emissões nas cidades. Como sistemista, a ZF tem vários acionamentos elétricos para diferentes modelos de veículos em seu portfólio, como o AVE 130, o eixo elétrico tipo pórtico comprovado em série para aplicação em ônibus com piso rebaixado. “Em muitas regiões, sobretudo na China, que é um mercado em forte crescimento, o padrão são as plataformas de piso alto”, afirma Dr. Jochen Witzig, responsável pelo desenvolvimento de sistemas de transmissão para ônibus na ZF. Foi por isso que os engenheiros projetaram o acionamento elétrico central CeTrax especialmente para ônibus com piso elevado, embora também seja adequado para modelos com piso baixo. Com uma potência máxima que chega a 300 kW e um torque máximo de 4.400 Nm, o desempenho do CeTrax não deixa nada a desejar se comparado aos sistemas de tração convencionais. Com capacidade para subir aclives de até 25%, o novo acionamento da ZF dá conta de qualquer desafio na topografia urbana.
Veículo de teste: o sistema de acionamento elétrico central CeTrax pode ser integrado em ônibus com piso alto e baixo.

CeTrax: integração facilitada em plataformas de ônibus existentes

CeTrax: integração facilitada em plataformas de ônibus existentes

O CeTrax estreou na “Busworld 2017”, a mais importante feira comercial do segmento de transporte de passageiros, realizada em Kortrijk, na Bélgica, onde a ZF mostrou um veículo de teste equipado com o novo acionamento elétrico central. Em um tour para a imprensa, especialistas e representantes da mídia do mundo inteiro puderam comprovar as capacidades do novo sistema de tração nas estradas.
“O principal aspecto do CeTrax é seu sistema plug and drive”, explica Witzig. Esse conceito facilita a instalação do CeTrax em plataformas de ônibus existentes, sem necessidade de fazer alterações
  • No chassis
  • Nos eixos
  • Na estática
  • No diferencial
“Com isso podemos focar especialmente as montadoras que pretendem instalar um acionamento elétrico em seus modelos de ônibus convencionais. Nossa solução CeTrax reduz os custos e o trabalho necessário para a integração técnica e para o serviço”, destaca Witzig. Inclusive o veículo de teste da ZF tem como base um modelo de série.
Potência compacta: o acionamento elétrico central é extremamente silencioso em operação e fornece um torque máximo que chega a 4.400 Nm.

Ar puro, muito silêncio, mais comodidade

Ar puro, muito silêncio, mais comodidade

O CeTrax é um grande ganho para os passageiros, pedestres, operadoras de frotas de ônibus e cidades: o veículo trafega sem emissões. Isso significa que as pessoas que estão esperando no ponto deixam de inspirar gases nocivos. Os centros urbanos também não são mais poluídos com CO₂ que prejudica o ambiente nem com óxido de nitrogênio que compromete a saúde. Sem contar que um acionamento elétrico como o CeTrax é muito mais silencioso em funcionamento que um motor de combustão, o que favorece passageiros e moradores. Com o CeTrax, o motor é mais silencioso que o ruído emitido pelos pneus.

Com uma potência máxima de até
300 kW
o CeTrax tem o desempenho de unidades de acionamento convencionais.

Da ideia ao produto em tempo recorde

Da ideia ao produto em tempo recorde

A ZF apresentou o sistema de acionamento elétrico central CeTrax pela primeira vez ao público no Salão Internacional de Veículos Comerciais (IAA) de 2016 em Hannover, Alemanha. O desenvolvimento, a instalação em um veículo de teste da ZF e o ajuste da tração elétrica levaram menos de um ano – um ótimo exemplo do processo de engenharia enxuto e dinâmico da empresa. Com o acionamento elétrico central CeTrax, a companhia está reagindo rapidamente às mudanças nos requisitos do mercado e, acima de tudo, promovendo a revolução da eletromobilidade.

Síntese

Síntese

Pela implementação de acionamentos elétricos, a ZF zera as emissões dos ônibus urbanos. Como o eixo elétrico AVE 130 já está em aplicação nos ônibus com piso rebaixado, na “Busworld 2017”, a maior feira comercial do segmento, a ZF apresentou o acionamento elétrico central para modelos com piso alto, que também é adequado para piso baixo. Batizado de CeTrax, esse sistema de tração já está trafegando em um protótipo. O foco do CeTrax está nos mercados como a China, com sistemas de transporte urbano em que os ônibus com piso alto predominam. Como acionamento central, uma das características especiais do CeTrax é a facilidade de integração em plataformas de veículos existentes.